Como diminuir o consumo de sódio no dia a dia

30

 

 

como-diminuir-o-consumo-de-sal--blog-da-mimis-michelle-franzoni 2

Já falei AQUI sobre os perigos do consumo excessivo do sódio no dia a dia.  E hoje vou dar super dicas para reduzir o seu consumo no dia a dia.

Quando resolvi ter uma vida mais saudável, um dos meus objetivos era consumir menos sal nas refeições. E claro que não consegui isso do dia para a noite, pois o nosso paladar está acostumado e é preciso tempo e vontade para mudá-lo.

Meu primeiro passo foi  reduzir o sal no preparo das refeições e assim deixei de colocar sal nas  massas, arroz e cereais cozidos. As carnes e molhos, eu temperava no final do preparo, assim como os risotos e ensopados.

Como muitos dos alimentos já contém sódio, deixar para temperar no final é a solução, pois assim não erramos na medida.

Eu amo pimenta e ervas aromáticas! Então passei a abusar desses temperos e cada vez mais ia deixando o sal de lado.

Com o tempo, percebi que realmente tinha diminuido o consumo de sal na minha vida. Os pratos dos restaurantes pareciam super salgados, mas na verdade era meu paladar que já tinha mudado. 🙂

Eu não cortei todo o sal, pois acho que ele dá sabor ao prato, apenas reduzi bastante o consumo.

Mas olhem que engraçado!

Um dia desses eu fui fazer meu franguinho grelhado sem óleo (ver receita AQUI) e quando ele já estava dourado taquei pimenta do reino que eu adoro. Esfomeada e com pressa, já fui fazendo os acompanhamentos. 🙂 Quando fui almoçar, me dei conta que não tinha colocado sal algum no frango, apenas pimenta e fiquei bem feliz, pois vi que o sal não era mais tão necessário para o meu paladar. Legal, né?

E assim quero que vocês também reduzam o consumo de sal no dia a dia,  e por isso elaborei minhas super dicas!

Vamos lá!

como-diminuir-o-consumo-de-sal--blog-da-mimis-michelle-franzoni

Gente! vale a pena tentar adotar essas dicas na nossa vida e consumir cada vem menos sal. No começo pode ser difícil, mas basta ir diminuindo aos poquinhos e tenho certeza que vocês vão conseguir. Nossa saúde agradece. 🙂

Vamos tentar?

Para tirar suas dúvidas sobre o meu processo de emagrecimento e vida saudável, clique AQUI.

Siga o Blog da Mimis no FACEBOOK e INSTAGRAM @blogdamimis e assine o meu canal de vídeos no YOUTUBE e receba todos em primeira mão.

Ler matéria completa
MICHELLE FRANZONI

Amo a vida saudável, viajar, decoração, jardinagem e muito mais! Sou fisioterapeuta, artista visual, e Doutora em Gestão do Conhecimento. No Blog da Mimis você encontrará um pouquinho de cada coisa que eu gosto!

Deixe um comentário‏

30 Comentários Mostrar comentários

  1. Otimo artigo, vou testas esse sal de ervas, embora nunca tenha tido o costume de exagerar no sal e também não me agrado de comidas salgadas meu esposo é que é o desafio para mim. Já não levo o saleiro para mesa e sempre deixo o sal em lugares diferentes pra ver se ele desiste e não pega, mais ele sempre levanta-se no meio da refeição pra procurar o bendito!

  2. Pingback: Superação Ana Paula Fadigas | Dieta

  3. Oi
    Gosto de colocar limão nos meus alimentos, fica mais forte e disfarça o pouco sal.
    Bjo e adoro teu blog, e estou firme na mudança na nova modalidade de vida

  4. Ozaires Carvalho em

    Diminui muito o consumo de sal na minha casa, tanto que quando eu e meu marido comemos fora, achamos as comidas salgadas rsrs. É impressionate como o paladar da gente muda.

  5. Eu uso sal de ervas! E quase já nem uso mais, só para temperar saladinhas e muito pouco no preparo de alimentos! Receita: são quatro porções, em quantidades iguais, de alecrim, manjericão, orégano e sal comum, só que eu uso o sal light que tem o teor de sódio reduzido em 50%. O que eu gosto mesmo é de usar temperos frescos ou desidratados, de todas as cores e cheiros! Fica tudo muito mais saboroso 🙂

  6. Eu já consegui diminuir bastante o meu consumo de sódio. Tenho uma tendencia enorme a reter líquidos, hoje uso e abuso de todos os temperos e ervas possíveis e quando acho necessário acrescento um pouquinho daqueles temperos de alho prontos no final do preparo de pratos quentes (acabo usando uma quantidade menor do que se usasse somente o sal). Para temperar saladas uso muito o gergelim torrado, faço em casa mesmo, e coloco o gergelim com um pouquinho de sal grosso naqueles moedores de pimenta, a salada fica super saborosa e com uma quantidade mínima de sal.

  7. Nossa, pra mim, essa é a meta mais difícil a ser cumprida…
    Eu encho minha comida de ervas e mesmo assim tenho sempre que botar muito sal. Boto sal até no atum enlatado light. E a salada, então? Sem sal não desce…
    O que fazer???

  8. Um bom alerta a ser deixado é que determinados grupos da população devem ter cuidados extras, ainda maiores, com o sódio. São eles:

    – Negros, que são mais sensíveis ao sódio
    – Hipertensos
    – Diabéticos
    – Pacientes renais crônicos
    – Pessoas acima dos 50 anos

    Outra dúvida comum é sobre o uso de sal marinho. Ele contém mais iodo que o sal regular, mas não faz diferença no teor de sódio, portanto, também deve ser usado com parcimônia.

    Por fim, vale lembrar que o sódio é necessário para o funcionamento do organismo, e não devemos eliminá-lo completamente da dieta. Mas como foi citado no texto, diminuir, pois provavelmente estamos usando demais.

    Abs

    Mauricio – http://comeceaemagrecer.com.br

  9. Conheci o site a poucos dias e estou adorando. Quero deixar uma dica, o “sal de ervas”. Existe até um cartaz oficial do SUS orientando a população ao uso. Como fazer: misture partes iguais de ervas secas (alecrim + manjericão + salsinha + orégano) e sal, bata tudo no liquidificador, guardar num pote de vidro bem fechado e usar normalmente substituindo o sal no preparo dos alimento. Legal que cada uma pode adaptar usando as ervas secas que mais gostar. Vou fazer.

  10. eu reduzi o sal da minha alimentação, e quando uso, utilizo um da marca cisne que diz que contém 50% menos sódio! dá pra confiar nele ou não? beijos adoro seu blog

  11. Mimis já ouvi falar do sal de ervas? o k vç acha? e uma boa opção pra substituir o sal? e com faço. muito obrigada desde já ……amo o seu bloque.

  12. Michelle,

    Gostaria de parabenizá-la pelo seu empenho e também do seu trabalho de nos encorajarmos na nossa mudança de vida.
    Depois te envio fotos de mim e do meu marido, como adotamos essas mudanças há 6 meses e como estamos prosseguindo para o nosso alvo.
    Continue assim firme e forte pois muitas pessoas serão transformadas pelos seus posts.
    Bjs

    Manu Mesquita
    IG : @manu_mesquita3

  13. Muito legal Mimis. Sal é uma coisa que não me faz muita falta. Dificilmente sei dize se uma comida tá com muito ou sem sal. Isso acho que me ajuda a comer menos. Ainda tenho bastante coisa para melhorar mas já tenho comido bem menos. Além do mais tenho essa facilidade que não sinto muita falta mesmo.
    No mais… sigo aqui acompanhando. 🙂
    Bjs
    Milton
    http://vintesemanas.blogspot.com.br

  14. Bom dia Mimis, estou reduzindo também o sódio na minha alimentação, atualmente utilizo o sal rosa do Himalaya quando preciso acrescenta-lo em algum alimento. Mas você ressaltou algo importante : diminuir o uso de alimentos industrializados! preciso melhorar nesse ponto…

    bjs querida, obrigado pelas dicas!

  15. Eu ja consegui tirar o sal da minha vida.
    Quando eu sinto falta, uso o rosa do himalaia ou o marinho!

    Mimins sempre arrasando nas dicas!

    Beijos infinitossssssssssss

  16. Já faço algumas coisinhas que mencionou… Mas vou aderir a outras!! Infelizmente não posso temperar com pimenta, contudo opto pelas ervas finas, que praticamente excluí o sal. 🙂

  17. Mimis, ADORO seu blog, leio todos os dias.. Sou de SP e estou morando a 2 anos em Laguna, pertinho daí… (ainda não tive coragem de treinar na praia como vc… )
    Eu quero saber é se o consumo de sódio pode afetar SIGNIFICATIVAMENTE a dieta? Se isso pode atrapalhar a perda de peso, principalmente na área abdominal..

    Beijos, vc é minha “DIVA” !!!!!!!!!!!!!!!

  18. Mimis, eu A M O o seu blog, leio todos os dias… Sou de SP e estou morando a dois anos em Laguna – SC bem pertinho daí.. E queria saber se isso pode atrapalhar SIGNIFICATIVAMENTE a perda de peso ou a perda de Gordura Abdominal? Acho que estou no efeito platô.. não vejo mais tanta evolução no meu corpo…

    Beijos, e vc é demais!!!! DIVA!

    • Fui ler os comentários e me deparei com o seu dizendo que mora em Laguna, bastante coincidência pois sou daqui e moro aqui. De repente poderíamos trocas ideias pessoalmente né? tu moras em que bairro???
      Abração,
      Giane

  19. Perfeito!!!!! No meu retorno ao endócrino ele pediu para eu contar um dia de dieta que sigo. Ele disse que estava bacana, mas o que podia estar me atrapalhando no processo de emagrecimento é exatamente o sódio!… Já estou de olho e atenta! Não consumo refrigerantes há quase 1 ano…suco de caixinha, quase nada! e agora encontrei um chamado “do bem” que não tem sódio nem conservantes!!! boa opção ….adorei o post…

    • Ola Sandra,

      Achei interessante seu comentário, fiquei curiosa e queria saber se vc sofre com disturbo da tireóide tb, pq vc mencionou que tinha ido ao ‘indocrino” . Eu tenho hyper-tireoidismo e ganhei peso em vez de perder, vai entender …

      O sal, estou fazendo a experiência de cortar o sal, vai fazer uma semana que nao como praticamente nada com sal. Ja bebidas e comida processada n como/bebo ha mais de um ano tb, poren nao perdi peso devido ao meu problema da tireóide pq o processo de perder eh muito lento, em compensação, eu notei que perdi medidas e minha barriga esta bem menos inchado, acredito que tenha haver com o corte do sal e a forma que estou me alimentando pois bebo muita agua 3L/dia e como muita fruta e verduras/vegetais fresco. Estou gostando dos resultando to feliz e orgulhosa de mim mesma 🙂

×