Kefir: o alimento probiótico que emagrece

421

Já conhecem o Kefir? Assim como o iogurte e o queijo, o Kefir é feito a partir da fermentação do leite. Seu gosto assemelha-se ao do iogurte natural, porém é um pouco mais azedinho e o aspecto tende a ser mais líquido do que cremoso. Essa bebida láctea, ou melhor dizendo “alimento probiótico”, é um super antioxidante, que ajuda a prevenir doenças cardíacas, câncer e sinais de envelhecimento. Diminui níveis de colesterol, problemas renais, circulatórios e até mesmo ansiedade e depressão. Ah, e mais: tem ação emagrecedora. Quero já!

Mas, como prepará-lo? A bebida é feita a partir dos “grãos” de kefir, mini colônias de bactérias que vivem em simbiose e crescem constantemente. Basta mergulhá-los em um recipiente com leite e após 24 horas o leite estará fermentado. É só coar os “grãos” e ela está pronta para o consumo.

A bebida pode ser misturada a frutas ou a cereais, dá para preparar shakes com ela, exatamente como uma bebida láctea, e muitas outras receitas. O ideal é consumir 1 copo de 200 ml por dia. O legal é até os intolerantes à lactose podem se beneficiar do seu consumo, já que as bactérias e leveduras do kefir produzem lactase, enzima que consome a maior parte da lactose presente no leite.

Ao serem coados, os “grãos”, ou mini colônias, devem ser imediatamente depositados de volta ao recipiente, onde devem receber mais leite, já que se “alimentam” dele. E nada de usar instrumentos metálicos para o seu manuseio, pois a reação do metal com o ácido da fermentação pode estragar a bebida.

E pronto. Mantendo a colônia embebida em leite e em local com pouca luz e de temperaturas ambiente (de 15.°C a 40.°C), ela durará para sempre.

Vejam abaixo os incríveis benefícios do kefir:

Kefir-alimento-probiótico-blog-da-mimis-michelle-franzoni-postok

 

Mas, onde adquirir o Kefir?
Não encontramos o Kefir à venda no mercado. Eles se multiplicam rapidamente e diariamente e, por isso, são tradicionalmente doados. Basta fazer uma busca rápida no Google e encontramos pessoas dispostas em dividir colônias de Kefir.

Se cultivados corretamente esses micro-organismos não morrem. Basta ficar trocando o leite do recipiente a cada 24 horas. Caso queria ficar um período sem consumi-lo, basta guardar os grãos em temperatura abaixo de 10°C. Assim ele entrará em estado de hibernação.

Kefir no leite vegetal
Tem como manter o meu kerfir no leite vegetal? Não, gente, ele não sobrevive. Porém, existe o Kefir Tibico que sobrevive ao ser preparado com água ou leite vegetal, porém, ele não contém a mesma microflora do Kefir feito com leite animal, nem os mesmos efeitos terapêuticos e probióticos.

O Kefir foi criado, ou surgiu, há mais de 4 mil anos em condições peculiares e nunca mais conseguidas, na Caucásia, região que marca uma das fronteiras entre a Europa e a Ásia. Então, o negócio é cultivá-los e distribuí-los, evitando sua extinção. 🙂

Curtiram, né? Então bora incluir na dieta já!

Nesse POST eu mostro meu cardápio de dieta fácil e gostoso para emagrecer com saúde.

Ah! Quem tiver kefir em casa e quiser compartilhar pode deixar comentário aqui. Eu tô louca pra experimentar!

 

Imagens: Shutterstock

Ler matéria completa
MICHELLE FRANZONI

Amo a vida saudável, viajar, decoração, jardinagem e muito mais! Sou fisioterapeuta, artista visual, e Doutora em Gestão do Conhecimento. No Blog da Mimis você encontrará um pouquinho de cada coisa que eu gosto!

Deixe um comentário‏

421 Comentários Mostrar comentários

  1. Eu tenho kefir de leite e amooooo! Não consigo mais viver sem!!! Faço muitas receitas… Sou de São Paulo, Capital, Zona Norte!!! E tenho kefir para doar!!!

  2. Boa tarde me chamo Jéssica ganhei o kefir a maix ou menos 2 semanas estou conseguindo 500ml a cada 12 de iogurt consumo ele na forma liquida,dessorada que forma o grego eobsoro faço yakult minha pergunta é Fazendo o consumo destas 3 formas durante o dia como FAço para naum ultrapassar o valor indicado de 200ml ? Obrigada

  3. Olá, meu nome é Aline Santana, sou de Goiânia, tenho 31 anos, meço 1,52 e peso 75 kg. Desde 2015,twnho engordado bastante, pois retirei a vesícula. E no ano passado quebrei o tornozelo, adquiri uma artrose e não posso fazer exercícios q forçam a perna, o pé ou tornozelo. Estou fazendo dieta, porém os resultados são bem pequenos. O q faço p meu metabolismo ser mais rápido???

  4. Olá garota, um lindo e abençoado final de semana!!!!!

    Conheci o kefir aos 16 anos de idade, sem muitos recursos e poucas opções de uso. tomava puro e tinha um pouco de nojo do aspecto meio viscoso. Hoje 40 anos depois e em tratamento de Esclerose Multipla há 18 anos, com um quadro de dor neuropática cronica, muita rigidez e desequilibrio, constipação, dores e inchaço e etc etc… relembrei dele e busquei na internet. Ja estou usando e substituo o iogurte ou o leite fermentado por ele. Bato com morangos, banana, maça, cenoura, batata doce e por ai afora. Entre tantos beneficios ele induz a produção de gama interferon este ultimo é um imuno modulador do sistema imunológico. Bom é isso, vou buscando alternativas mais saudáveis, pois meu corpo vive intoxicado com o uso de tantos medicamentos, como amorfina. cada dia invento uma forma diferente de uso-lo. É bom, fácil de usar, totalmente natural e o melhor ; é de graça!!!!!!! Já posso doar. Contato pelo zap (61) 986131044 ou pelo e-mail : niara.araujo@gmail.com.

  5. Graziela Paulino da Silva em

    Eu tenho é estou adorando e muito bom para a saúde mesmo,e os meus foi doação e estão pequeno ainda,mais estou muito melhor é até a fome de manhã está controlada,pois eu tomo a noite e de manhã cedo com chia,e isso, beijos.

  6. Roberto Félix em

    O Kefir é uma bênção! Não tenho outro comentário. Tenho o hábito de consumi-lo, já há 10 anos, com água e açucar mascavo,porém vou experimentar com leite.

×