Truques para cozinhar com praticidade

3

Aqui em casa eu ganhei a fama de cozinheira rápida e não foi à toa, faço uma comidinha delícia em 20 minutos. Como? Gente, a ideia é simples, é só ser organizado, deixar tudo à mão e analisar, antes de tudo, qual a sequência que vamos seguir. Para ajudar aqueles que não têm muito tempo para ficar na cozinha, ou não têm muita prática, ou até mesmo os cozinheiros bagunceiros e demorados, vou compartilhar com vocês os truques que uso para acelerar o processo na cozinha. A ideia é transformar em prazeroso esse momento. Afinal, não tem coisa melhor do que comer bem e em casa. 🙂 Anotem as dicas:

Truques-para-cozinhar-praticidade-blog-da-mimis-michelle-franzoni-post
1 – Crie um cardápio semanal
Planejamento é essencial na vida. Por isso, para acelerar qualquer processo, a base é a organização. No dia em que estiverem de folga ou for mais tranquilo, criem um cardápio semanal, assim como criei o meu, vejam aqui. E estabeleçam o que vão cozinhar durante a semana.

2 – Aproveite a comida do dia anterior
Lembrem-se que pode sobrar comida de um dia para o outro, então, como segundo plano do cardápio diário, já tenham em mente uma opção para fazer com a comida do dia anterior. Exemplo: o frango assado no domingo pode virar risoto de frango na segunda, ou uma canja, ou o recheio do sanduba.

3 – Foque no que tem em casa
O ideal é criarmos o cardápio semanal em cima do que já temos em casa, garantindo economia. Caso contrário, já saiam para fazer compras antes que a semana comece. Pois precisaremos de todos os ingredientes necessários para colocar o menu em prática.

4 – Congele os alimentos
Tudo pode ir para o congelador. Podemos congelar frutas e verduras, como já ensinei aqui. Podemos já deixar as carnes em porções para serem descongeladas no dia. E isso acelera bastante o processo. Gosto também da ideia de criar gelinhos verdes para a produção mais prática do suco verde ou das águas aromatizadas, vejam a receita. Temos a opção, inclusive, de fazer comida para a semana toda, separar em potinhos as porções diárias e congelá-las. Assim, na hora da refeição é só retirar o pote do dia e colocar para descongelar no microondas ou na temperatura ambiente.

5 – Organize a cozinha
Não adianta nada organizarmos o cardápio e termos todos os ingredientes em casa e ficarmos perdidas dentro da própria cozinha. A dica é pegar um dia para arrumar todo o ambiente. Escolham sempre a gaveta mais próxima para os talheres e organize-a separando os utensílios por tipo: colher, garfo… Façam o mesmo com as panelas e potes plásticos. Nos armários altos, que o acesso é difícil, guardem os objetos menos usados. Deixem em cima do balcão os aparelhos úteis, como liquidificador ou mixer. Tenha um armário especial para guardar as comidas que não vão à geladeira e arrume de forma prática, em que consiga ver tudo o que tem. Etiquetar os potes é uma ótima dica de organização. Na geladeira, a mesma coisa. Aqui é legal observar quais comidas temos guardadas, se são saudáveis ou não. Já aproveitem para fazer a arrumação baseada na dieta, vejam aqui como.

6 – Tenha todos os ingredientes à mão
Na hora de cozinhar, peguem todos os ingredientes e coloquem-nos dispostos no balcão, se possível, já na porção que vão usar. Além de ser um truque para cozinhar mais rápido, não corremos o perigo de ver que está faltando algum ingrediente no meio do processo.

7 – Programe-se antes de começar
A ideia é: se a cabeça não pensa o corpo é quem paga. Já ouviram isso? Antes de tudo, pensem no processo num todo. O que vou fazer? O que demora mais para ficar pronto? Qual a quantidade que preciso? Esses pontos são rápidos de serem respondidos e vão acelerar todo o processo. Vamos lá, um exemplo: o que demora mais, fazer o arroz ou o grelhar bife? O arroz, certo? Então, já colocamos o arroz para cozinhar antes de tudo. Qual legume demora mais para cozinhar? Já taca ele na panela!

8 – Aposte nas receitas mais práticas
Para o dia a dia não adianta elaborar um super cardápio, vai atrasar tudo. Se não dá tempo de fazer o feijão ou uma carna assada, aposte nas receitas mais fáceis, ou deixe preparado de véspera. Algumas sugestões que adoro: frittata, estrogonofe, frango xadrez, carnes, legumes, massas, saladas… Deixem para fazer o mais demorado nas horas de folga e congele-os em potinhos para a semana corrida.

9 – Reutilize a panela
Outra dica é: fritou bife, já usa a mesma panela para refogar os legumes. É prático e ainda deixa o legume com gostinho de carne. Fizeram macarrão, deixem-no no escorredor e usem a mesma panela para fazer um refogadinho rápido. São pequenos detalhes que fazem toda a diferença. Espia essa refeição que fiz rapidinho aqui.

10 – Faça tudo ao mesmo tempo
Enquanto o macarrão está cozinhando, já vou temperando a carne e cortando os legumes. A dica de um chefe é ficar de olho em tudo e ter agilidade para comandar as panelas.

11 – Use o timer para não esquecer nada no fogo
O temporizador é uma salvação para os desligados e também para os atarefados. Super legal para podermos colocar em prática a ideia de fazer tudo ao mesmo tempo. Ele vai avisar quando a sua comida estiver pronta, assim evita perdas, para não ter que fazer tudo de novo ou desistir e ligar para o delivery.

12 – Tenha utensílios práticos
Apostem em utensílios que facilitem a vida na cozinha, como o mixer, o descascador de batatas, e até o microondas. Eu amo o mixer! Faço tudo com ele, como já contei aqui para vocês. Tentem se adaptar às novidades que prometem acelerar o processo, mas se demorarem muito para pegar “o jeito” e isso estiver atrapalhando, deixem-nos de lado. Olhem que legal esse de fatiar:

13 – Lave a louça durante o processo
A pior coisa é terminar a comida e ver aquela montanha de louça para lavar, pia, balcão e panos sujos. Então, para não perder o encanto, a ideia é irmos lavando e limpando durante o processo. Se tiverem máquina de lavar, melhor ainda.

14 – Aposte nos temperos prontos
Separar, lavar e picar tempero levam um tempinho. Então já deixem temperos prontos para cozinhar com mais praticidade. Aqui em mostro como fazer um temperinho delícia com alho. Outra dica é já deixar os temperinhos verdes picados no congelador, dentro de um potinho.

15 – Aposte na horta
Como eu adoro temperos fresquinhos, prefiro apostar na horta. Como já mostrei aqui para vocês eu tenho uma hortinha em casa e amo de paixão. Então antes de cozinhar vou lá e pego tudo o que preciso. Vale muito ter uma horta em casa, além de temperos podemos plantar vários vegetais, o que nos livra dos agrotóxicos. E mesmo sem espaço é possível montar uma, vejam aqui.

16 – Chame um ajudante
Com alguém ajudando tudo vai mais rápido e com mais diversão. Um lava a louça enquanto o outro prepara o arroz. Chamem o filho, o companheiro, quem estiver perto para ajudar. Quando o meu marido cozinha comigo ele vai cortando os temperinhos, a gente se diverte muito e faz a coisa fluir bem mais de pressa.

17 – Deixe o cardápio demorado para o fim de semana
Aproveitem o fim de semana ou o dia de folga para aproveitar bem a cozinha. Nesses dias podemos apostar nas receitas mais demoradas numa boa. Chamem a família toda para se reunir e curtam todo o processo com calma, pois cozinhar é uma delícia!

Gostaram das dicas? Bora colocar em prática hoje mesmo? Quero ver todo mundo acelerado aí na cozinha e fazendo todo dia uma receita delícia aqui do blog! Contem para mim o que acharam e tirem suas dúvidas nos comentários!

Beijoooos!

 

Imagens e vetor: Shutterstock.

Ler matéria completa
MICHELLE FRANZONI

Amo a vida saudável, viajar, decoração, jardinagem e muito mais! Sou fisioterapeuta, artista visual, e Doutora em Gestão do Conhecimento. No Blog da Mimis você encontrará um pouquinho de cada coisa que eu gosto!

Deixe um comentário‏

3 Comentários Mostrar comentários

×