Superação Ana: 20Kg a menos com a reeducação alimentar

4

A Ana Claudia Bittencourt, de 28 anos, conseguiu emagrecer em apenas 8 meses, simplesmente mudando sua rotina alimentar. Ela começou a ganhar peso na adolescência, quando sentia muita ansiedade e passou a comer de forma descontrolada. Antes, sua dieta resumia-se a pães, bolos e salgadinhos, e mesmo sentindo-se péssima e com vergonha do próprio corpo, Ana não conseguia se controlar. “Vivia num círculo vicioso de entrar na dieta toda segunda-feira e sair no dia seguinte”, revela. O seu auge foi com 80,7Kg, quando percebeu que tinha que fazer alguma coisa. Foi quando levou a sério a reeducação alimentar e emagreceu 20,7Kg!!!

A dieta certa para Ana
Como até então Ana não havia conseguido levar nenhuma dieta adiante, resolveu pedir ajuda a uma nutricionista. E foi assim que conheceu a reeducação alimentar. “Ela me passou uma dieta de acordo com os meus gostos, desejos e necessidades. Depois disso, fui perdendo peso com facilidade”. (Veja como funciona a reeducação alimentar aqui)

A alimentação antes era composta por pães brancos no café da manhã, o almoço era à base de arroz branco ou macarrão. O lanche da tarde também era composto por pães brancos, maionese e bolos. No jantar eram mais 1 ou 2 pães franceses com mortadela ou maionese.

Na dieta de emagrecimento começou a comer batata-doce com pasta de amendoim no café da manhã, no intervalo até o almoço, apostava em fruta com castanhas. No almoço, arroz integral, feijão, carne e saladas. No lanche da tarde, uma fruta ou um iogurte light. Às 18h fazia mais um lanche, geralmente uma tapioca, bolo integral ou sanduíche natural. E no jantar, comia carnes e saladas ou uma 1 vitamina de frutas.

Atualmente Ana está fazendo uma dieta low carb, ou seja, com diminuição do carboidrato. Seu café da manhã é composto por ovos mexidos, no almoço vai de feijão, saladas e carnes, nos intervalos entre as refeições come frutas secas, castanhas e abacate. Antes do treino come pão integral com cottage ou atum e depois toma um whey protein com fruta.

Truques para seguir com a dieta
O legal é variar bastante nas receitas para conseguir manter o foco. Segundo a Ana, o blog a ajuda muito com isso. Ela aposta nas receitas do blog para fazer substituições como, por exemplo, bolos e lanches por bolos integrais, crepioca e sanduíches naturais. “O meu preferido é o de banana com maça”, conta a gata.

E mais: no caso de Ana, trabalhar com “recompensas”, como o dia do lixo, deu super certo. “Saber que terei uma pequena “recompensa” e poderei comer aquela comida que tanto gostava, me ajuda a seguir a dieta de maneira correta”.

Os exercícios ficaram em segundo plano
Ana não tem muito tempo, então só passou a fazer atividades físicas depois que chegou na sua meta de emagrecimento. E ainda assim fazia de forma esporádica. Passou mesmo a seguir uma rotina de exercícios um ano depois, e agora faz musculação, zumba e caminhadas.

Sua meta agora é “trincar a barriga”.

A Ana de antes e a Ana de agora
Antes Ana sentia-se o “patinho feio” e hoje, assim como na fábula, Ana tornou-se um cisne. Ela já não usava biquíni, só vestia-se com roupas largas e camisetes a autoestima era baixa e sentia-se “diferente” até mesmo quando saia para uma balada ou show. “Hoje me sinto poderosa. Hoje tenho o poder de usar um body ou um cropped. Pela primeira vez, há anos, pude usar um biquíni e isso pra mim foi muito gratificante. É algo inexplicável ver que você conseguiu se superar e chegar no corpo que você tanto sonhou, mas achava que era impossível”, revela Ana.

A sua vida mudou completamente, em todos os sentidos. Ana sente-se mais bonita e tem muito mais disposição, sente que pode fazer o que quiser!

Peso antes: 80,7kg Peso agora: 60kg Altura: 1,64m
Tempo de emagrecimento: 8 meses.

Ler matéria completa
MICHELLE FRANZONI

Amo a vida saudável, viajar, decoração, jardinagem e muito mais! Sou fisioterapeuta, artista visual, e Doutora em Gestão do Conhecimento. No Blog da Mimis você encontrará um pouquinho de cada coisa que eu gosto!

Deixe um comentário‏

4 Comentários Mostrar comentários

  1. Boa tarde!
    Meu nome é Letícia, tenho 27 anos, sou casada e tenho um lindo bebê de 11 meses.
    Sempre fui gordinha, sempre gostei muito de comer e depois que conheci meu marido esse hábito só aumentou.
    Começamos a namorar em 2007 nessa época estava magra pesava 50kg e tinha 19 anos.
    Com o passar do tempo decidimos nos casar, namoramos 8 anos e com esse tempinho engordei e fui pesar 78 kg.
    Aí vem todo aquele remorso de ter comido, pq agora eh queria estar linda em um belo vestido de noiva.
    Foi quando me dei conta da real situação e comecei a procurar formas para emagrecer.
    Até que encontrei a famosa dieta Dukan, em quatro meses de dieta fui dos 78 kg para os 53kg. Foi muita dedicação, na correria do meu casamento e ainda consegui emagrecer, preparei tudo…
    Me casei no dia 27 de novembro, linda e emagra, porém não sabia que Deus dali um mês iria me presentear com a vida do Antonio.
    Fiquei grávida um mês depois do meu casamento, agora não podia mais restringir minha alimentação. Engordei exatamente 22 kg, resumindo voltei a estaca zero e agora com um metabolismo e um corpinho diferentes de antes ; consegui eliminar apenas 12 kg depois da ggravidez.
    Faz exatamente 5 meses que parei de amamentar meu filho e decidi voltar na Dukan, porém agora não consigo eliminar peso algum, vivo no recomeço da dieta e não saio disso.
    Não me alimento direito e o meu medo é de ir em uma nutricionista e começar a engordar mais ainda por não consumir direito carboidrato.

  2. Muito legal essas histórias de superação!
    Eu sempre gosto de ler para me motivar. Eu engordei um pouco depois do meu casamento, mas sempre tento seguir uma alimentação saudável, e adoro fazer exercícios. O problema é que na época do casamento acabei parando o que eu mais gostava, que era o Kung Fu. Agora está complicado de voltar, mas estou fazendo exercícios em casa!
    Outro problema é que sou confeiteira, então não consigo deixar de lado meus docinhos. Mas sempre que eu tenho vontade de comer um doce, tem que ser o doce, um que eu tenha feito, bem gostoso! E daí eu fui aprendendo a sentir melhor o sabor dos alimentos, cada garfada, e isso é maravilhoso!

    Adoro o blog e acompanho todos os posts ^^

×