Superação Karla Pitta: mais de 50Kg em menos de 10 meses

2

A Karla Pitta, de 27 anos, que é casada e mãe de duas crianças lindas, e estava infeliz com o seu corpo quando resolveu reagir e mudar de hábitos. O problema de Karla era a compulsão alimentar, que a fazia comer sem freios. Mas, ao chegar aos 110Kg em seus 1,62m de altura, percebeu que não podia mais ignorar aquela situação. Foi quando entrou para um grupo de reeducação alimentar e conseguiu, em 10 meses, emagrecer 51Kg!

Os primeiros passos
Para dar início de verdadeira mudança, Karla teve que rever todos os alimentos da geladeira e também começar a se planejar. Com o planejamento, no caso da alimentação, passou a fazer todas as refeições do dia, mantendo-as sempre nos mesmos horários. Um exemplo bom é o café da manhã, que antes ela não fazia e hoje não deixa faltar.

Passou a se alimentar com calma, mastigando e sentindo bem cada alimento, e tenta fazer isso sem televisão ou celular, o que ajuda o cérebro a aceitar mais depressa a saciedade.

Montou uma espécie de cardápio (com ajuda do grupo de RA), com o que seria legal incluir e excluir na alimentação (assim como o meu). E como sofria de compulsão alimentar precisou fazer um estoque de coisinhas saudáveis em casa, caso caísse na besteira de comer fora do horário.

Claro que também começou a práticar exercícios físicos. Planejou-se de forma que o horário não batesse com nenhuma das suas outras atividades do dia e começou a intercalar caminhadas e zumba.

A dieta
O refrigerante foi o primeiro a ser cortado e, inclusive, a família toda aceitou trocá-lo pelos sucos naturais ou água. As massas, como lasanhas, que até hoje faz para os filhos e para o maridão, passou a evitar ou comer porções bem menores e sempre acompanhadas de legumes e verduras. As crianças ainda franzem o narizinho para esses acompanhamentos fibrosos, mas com o tempo tudo vai se ajeitando. Hoje não falta mais frutas em casa e elas, assim como a água, passaram a ser sua válvula de escape entre as refeições.

Karla sentiu dificuldades, principalmente no começo, até porque ela tem duas crianças em casa, que adoram uma guloseima (quem não gosta?). Doces eram sua maior dificuldade. Mas, ela fazia o seguinte: pensava em 10 pontos negativos sobre esses “alimentos” e isso a ajudava a dizer “não”. #segredinhodeKarla

Os exercícios
Karla está satisfeita com o corpo que conquistou, e deseja apenas mantê-lo assim e continuar com disposição e saúde, coisas que há muito ela não tinha tanta afinidade. Para isso, além de manter a nova alimentação, mantém também os exercícios. Hoje, as caminhadas evoluíram para a corrida. Outra atividade que aderiu foi a musculação, e a zumba é a queridinha, que ela não deixa por nada.

Essas atividades ajudam muito quem sofre de compulsão alimentar, pois liberam serotonina, o neurotransmissor do bem-estar, que é o que o nosso corpo procura na alimentação errada. 😉 Outro ponto é a ansiedade, que é nocauteada com essas novas atividades.

 Uma mãe de dar orgulho
Com 51Kg a menos, hoje Karla está super animada, sentindo-se mais bonita e feliz. Voltou a comprar roupas e todas parecem cair como uma luva em seu novo corpo. A saúde está ótima e o mais importante: a família orgulha-se dela. “Minha filha diz que se orgulha de mim”, conta Karla. E é aqui que a gente vê que a persistência é o melhor caminho.

Vejam o meu cardápio diário AQUI e deixem suas perguntas nos comentários do post! Nunca é tarde e só será difícil se vocês quiserem! Vamos trilhar uma mudança juntos?

Peso antes: 110kg Peso agora: 59kg Altura: 1,62m
Tempo de emagrecimento: 10 meses.

Ler matéria completa
MICHELLE FRANZONI

Amo a vida saudável, viajar, decoração, jardinagem e muito mais! Sou fisioterapeuta, artista visual, e Doutora em Gestão do Conhecimento. No Blog da Mimis você encontrará um pouquinho de cada coisa que eu gosto!

Deixe um comentário‏

2 Comentários Mostrar comentários

  1. Parabéns pela força de vontade Karla, também estou precisando de muita força para poder atingir meus objetivos. E parabéns Mimis pelo blog maravilhoso.

  2. Mimis , o seu blog é o melhor pq mostra que a gente pode conseguir sem dietas da moda. Com reeducação e disciplina.
    Não pare nunca, por favor!
    Mil beijos

×