TPM: como tratar e aliviar os sintomas

0

A famosa TPM – Tensão Pré-Menstrual ou Síndrome Pré-Menstrual (SPM) -, atinge a maioria das mulheres, mais de 70% segundo o Ministério da Saúde. Os sintomas são bem conhecidos por nós: alterações de humor (o campeão), dores e mal-estar. Mas, é possível amenizar essas sensações e continuar normalmente com o seu dia. Inclusive, é possível aliviá-los de forma permanente. Por isso, montei um quadro com dicas para aliviar os sintomas! 😀

Lá vou eu falar de hábitos saudáveis novamente. Mas é que são eles são a chave de tudo! Para manter a qualidade de vida, “aqueles dias” devem passar de forma natural e sem estresse. Para isso, será preciso melhorar a alimentação e sair do sedentarismo, apostando em exercícios pelo menos 3 vezes na semana.

Dependendo do grau da TPM nem é preciso apostar em medicamentos, apenas algumas mudanças no dia a dia já alteram a resposta do organismo a variação hormonal do período.

Outra dica é incluir chás com componentes específicos que vão aliviar inchaços, irritações, sensibilidades e calafrios.

As apostas mais saudáveis de alimentação e principalmente a escolha certa dos chás ajudará inclusive a manter o foco nesses dias, auxiliando na diminuição de compulsão alimentar e no desejo de doces.

O que causa e quais são os tipos de TPM
A TPM pode ocorrer antes e durante a menstruação, e é causada pela variação brusca dos níveis de estrógeno e progesterona, causando uma série de sintomas. O motivo? Todo mês o nosso corpo sofre alterações para preparar o útero para um bebê, diminuindo os níveis de estrógeno e elevando a progesterona. Quando não há fecundação, o corpo elimina o endométrio em forma de menstruação, gerando a inversão da liberação dos hormônios: aumentando os níveis de estrógeno e diminuindo a progesterona.

A TPM é dividia em 5 tipos: A (de ansiedade), C (craving, que significa desejo), relacionada principalmente a compulsão alimentar, D (de depressão), H (de hidratação), relacionada a retenção de líquidos, O (de “outros”), com outros sintomas menos comuns como acne, náuseas e reações alérgicas.

Vejam abaixo o infográfico que montei com dicas para incluir tanto no período menstrual como no dia a dia. Abusem das dicas mais relacionadas ao seu tipo de TPM. Se preferirem, conversem com o ginecologista de vocês sobre essas sugestões antes para se sentirem mais confiantes e, principalmente no caso de os sintomas não passarem.

 

Ler matéria completa
MICHELLE FRANZONI

Amo a vida saudável, viajar, decoração, jardinagem e muito mais! Sou fisioterapeuta, artista visual, e Doutora em Gestão do Conhecimento. No Blog da Mimis você encontrará um pouquinho de cada coisa que eu gosto!

Deixe um comentário‏

×