Superação Cláudia: com 130Kg, desistiu da bariátrica e perdeu 60Kg

1

Olhando a foto atual de Cláudia Cattani, estudante de nutrição, radiante e com os seus 70kg, nem conseguimos imaginar que ela chegou à obesidade, com 130Kg, depressão e baixa autoestima. Aos 34 anos, casada e com 3 filhos pequenos, Cláudia não estava feliz.

“Eu não saia mais de casa, não encontrava mais roupas que me servisse, não passava mais na catraca do ônibus, não sentava mais nas cadeiras de plástico, tinha a sensação de estar presa dentro de um corpo enorme onde eu me debatia e não via a saída”, revela.

E como nenhuma das suas tentativas de emagrecimento haviam dado certo, ela desanimou e decidiu entrar para a fila de cirurgia de redução de estômago. A espera já ia passar de 1 ano, quando desistiu e resolveu agir sem esse recurso. Foi quando resolveu encarar a grande mudança de sua vida!

A grande mudança
Antes, a alimentação de Cláudia era desregrada. Não haviam horários e vivia a base de lanches. “Comia apenas besteiras, comidas calóricas com valor nutricional zero”, lembra.

Então, para mudar, comprou frutas, verduras, legumes, e fez um planejamento semanal do que cozinharia (veja aqui como fazer).

Apostou na reeducação alimentar, com substituições inteligentes (veja aqui como começar) e passou a ter acompanhamento de uma nutricionista.

Casada e com 3 filhos, Cláudia colocou todo mundo dentro dessa mudança. Aproveitando para transformar a alimentação de toda a família. Todos passaram a comer bem junto com ela, inclusive o marido, que emagreceu 30kg!

As dificuldades e inspirações
“O mais difícil é mudar a cabeça, a mente. Entender que eu não precisava comer uma caixa inteira de bombons e que 1 ou 2 as vezes eram o suficiente”, ressalta Cláudia, que buscou ajuda na internet para acreditar que era possível emagrecer sem cirurgia, apoiando em casos de superação.

Exercícios
Já no início de toda a mudança, Cláudia começou a fazer caminhadas. E como não tinha com quem deixar a filha de 1 aninho, achou a solução perfeita: ia empurrando o carrinho dela por 1 hora duas vezes ao dia, somando 2 horas de caminhadas diárias.

Logo depois, iniciou na academia, onde, até hoje, mantém uma rotina de musculação, exercícios aeróbicos e pilates. E a sua intenção é eliminar mais 5kg!

Plásticas e cirurgias
Cláudia optou pela reeducação aliada aos exercícios físicos, emagrecendo em 1 ano e 6 meses! E cada corpo reage de uma forma. No meu caso eu consegui com a musculação não ficar com excesso de pele, como conto aqui. Já a Cláudia acabou ficando com um excesso e decidiu retirar com cirurgia. Foram retirados quase 3kg de excesso de pele.

“Troquei toda essa pele que me incomodava, coçava e fazia feridas por duas cicatrizes. Mas pra quem pesava 130 kg, achou que morreria gorda, o que são mesmo duas cicatrizes? Ah sim, são as marcas de uma vitória”, escreveu Cláudia, em seu instagram.

Hoje
A Cláudia de hoje nem se comparar com a Cláudia de 2 anos atrás. Além da autoestima, saúde e disposição, essa nova mulher, que emagreceu 60Kg com reeducação alimentar, fez o maridão perder 30Kg e os 3 filhos aprenderem a comer de forma saudável, é hoje estudante de nutrição!

“Vislumbro ajudar todos aqueles que sofrem com a mesma doença que eu, a obesidade”, conta.

E aí, que tal começar essa mudança hoje mesmo? Pode ser que daqui 1 ou 2 anos seja a sua história que estarei contando aqui!

Conheçam mais da Cláudia em suas redes sociais: Facebook  e  Instagram.

Peso antes: 130kg Peso agora: 70kg Altura: 1,65m
Tempo de emagrecimento: 18 meses.

Ler matéria completa
MICHELLE FRANZONI

Amo a vida saudável, viajar, decoração, jardinagem e muito mais! Sou fisioterapeuta, artista visual, e Doutora em Gestão do Conhecimento. No Blog da Mimis você encontrará um pouquinho de cada coisa que eu gosto!

Deixe um comentário‏

1 Comentário Mostrar comentários

×