Setembro amarelo: o que é e como ajudar

0

Vocês já devem ter ouvido falar e visto algo sobre Setembro Amarelo entre amigos e redes sociais. E, imagino, que muitos ainda estejam um pouco perdidos sobre o assunto e principalmente sobre a importância dessa campanha. Setembro Amarelo é uma campanha de conscientização praticamente recente (de 2015), que tem como intuito alertar as pessoas da realidade do suicídio, motivado normalmente pela depressão.

E, para o Setembro Amarelo, a melhor forma de se evitar um suicídio é através de diálogos e discussões que abordem o problema.

Mas, como eu posso ajudar? Para responder a essa pergunta, montei uma arte com propostas de atitudes que com certeza, mesmo que pequenas, podem ajudar muitas pessoas. Afinal, prevenção é a chave!

Propostas para o dia a dia

O que você pode fazer? Simples. Veja alguns exemplos básicos: evitar discurso de ódio, tanto pessoalmente como nas redes sociais, entre conhecidos e desconhecidos; Evitar ao máximo dar opinião sobre a aparência de alguém sem ela ter pedido, mesmo sendo uma pessoa pública; Trocar sempre a crítica negativa por um elogio.

Não há necessidade de ser um psicólogo ou um terapeuta para ajudar o próximo a lidar com a insegurança e depressão. Não sabemos o que se passa de verdade na vida do outro, então, que tal cuidarmos com o que falamos e escrevemos a ele?

Nunca ouviu um caso de suicídio?
Às vezes, por não ouvirmos muitos casos sobre suicídio, acreditamos que o número seja baixo ou quase nulo, o que, infelizmente, não é verdade. Segundo dados recolhidos em 2012 pela Organização Mundial de Saúde (OMS), mais de 800 mil pessoas cometem suicídio por ano. E, todos os dias, pelo menos 32 brasileiros tiram suas próprias vidas. Apenas não ouvimos falar sobre suicídio nos veículos de comunicação pois acredita-se que isso estimularia novos casos.

Como buscar ajuda?
O Centro de Valorização da Vida (CVV), é uma organização não governamental busca valorizar a vida e prevenir o suicídio através de apoio emocional, atendendo de maneira voluntária e gratuita, qualquer pessoa que precise conversar sobre como se sente, sob total sigilo.

É só clicar AQUI!

Ler matéria completa
MICHELLE FRANZONI

Amo a vida saudável, viajar, decoração, jardinagem e muito mais! Sou fisioterapeuta, artista visual, e Doutora em Gestão do Conhecimento. No Blog da Mimis você encontrará um pouquinho de cada coisa que eu gosto!

Deixe um comentário‏

×