Ectomorfo, mesomorfo e endomorfo: descubra seu biótipo

6

Cada um de nós tem um biotipo, um tipo físico dominante que irá determinar como o nosso corpo vai responder à dieta e ao exercício físico. Quando sabemos em qual deles nos enquadramos fica mais fácil saber como alcançar o resultado tão sonhado.

Existem 3 tipos: ectomorfo, mesomorfo e endomorfo. O ectomorfo é o famoso “magro de ruim”, o mesomorfo é aquele que tem o corpinho todo no lugar e o endomorfo é o que ganha peso só de olhar para a comida.

Já repararam que têm pessoas que conseguem emagrecer com mais facilidade que outras? E aqueles que qualquer escorregada na dieta já engorda tudo de novo? Pois então, tem a ver com a genética mesmo. Sempre vai existir a predominância de um desses tipos físicos em cada um de nós.

Abaixo vocês podem identificar o “tipo” de vocês:


Agora que vocês já podem avaliar qual seu biotipo, vejam como lidar com a dieta e exercícios para obter qualquer resultado mais rápido:

Ectomorfo
Como o metabolismo é acelerado, o ectomorfo geralmente deve manter a alimentação de 3 em 3 horas, sem negligenciar nenhuma refeição, pois, às vezes, o corpo não consegue nem absorver a quantidade necessária de calorias diárias.

Por não ganhar peso com facilidade, o ectomorfo costuma comer sem se preocupar com a qualidade dos alimentos, e isso é um grande erro. O ideal é apostar na dieta de trocas, com a ingestão de alimentos ricos em nutrientes.

Outra dica importante é: o ectomorfo deve fazer exercícios físicos, mesmo que não queira ficar “sarado”. Exercícios físicos aumentam a serotonina, nos deixando mais felizes e dispostos. Além disso, melhoram o sistema cardiovascular e inibem o surgimento das barriguinhas salientes.

Ganho de massa muscular
Para quem visa a hipertrofia, pode focar em alimentos de alto valor energético, além de alimentos proteicos e muita água. E nos exercícios físicos, deve fazer treinos com maiores intervalos e com foco nos grandes grupos musculares.

Mesomorfo
Como vocês já devem ter reparado, o mesomorfo está entre o ectomorfo e o endomorfo, precisando, assim, manter o equilíbrio constante.

Ele tem mais facilidade de chegar a um objetivo, mas não quer dizer que possa relaxar quanto a isso. Como é intermediário, se não seguir uma alimentação equilibrada, como mostro aqui, corre o risco de ganhar peso, assim como o endomorfo.

Ganho de massa muscular
Se a ideia é apostar na hipertrofia, o mesomorfo precisa priorizar as proteínas, os carboidratos e os lipídios bons. Pode apostar em qualquer treino, com cargas elevadas e mais intensos. Porém, em frequências médias, pois precisa descansar!

Endomorfo
O endomorfo tem facilidade de ganhar peso e dificuldade em perder, então, a dieta de emagrecimento geralmente é mais rígida e sempre associada a atividades físicas.

A melhor saída é apostar na reeducação alimentar, para não cair no efeito sanfona, de emagrecer e engordar com frequência. E, por ter um metabolismo lento, deve apostar em alimentos que o aceleram, como já mostrei aqui. A dieta lowcarb também é uma estratégia eficaz.

Outro ponto é a maior facilidade de retenção de líquidos, que pode ser amenizada como já mostrei nesse post.

Exercícios aeróbicos ajudam a eliminar peso, mas, o ideal é associá-los a treinos de musculação, que ajudam a fortalecer os músculos.

Ganho de massa muscular
Mesmo se a intenção for a hipertrofia, os treinos de musculação deverão ser intercalados com aeróbicos. Na alimentação, deve-se aumentar ao máximo o metabolismo, com alimentos específicos, como já mostrei aqui.

Perceberam que, apesar de termos biótipos diferentes, a culpa por não termos o corpo desejado não é somente da genética?

Claro que cada corpo é um corpo, mas todos nós podemos conquistar o objetivo que queremos, respeitando as limitações de cada um. Eu por exemplo, sei que nunca serei magrinha e esguia como as modelos de passarelas, mas posso ver o lado positivo e aproveitar do meu biótipo para ficar em forma e com saúde.

E aí, qual é o biotipo de destaque de vocês? Contem nos comentários!

Ler matéria completa
MICHELLE FRANZONI

Amo a vida saudável, viajar, decoração, jardinagem e muito mais! Sou fisioterapeuta, artista visual, e Doutora em Gestão do Conhecimento. No Blog da Mimis você encontrará um pouquinho de cada coisa que eu gosto!

Deixe um comentário‏

6 Comentários Mostrar comentários

  1. Endomorfo…sempre correndo atrás do prejuízo….kkkk
    nos últimos três anos anos emagreci 30 kgs com reeducação alimentar e a concientização de que somos o que comemos…

    Não consegui ser maaaagra….meu marido adora minhas curvas…huhuh… mas vamos lá… desistir Jamais…

  2. Eu sou Endomorfo, tenho que fazer mais aeróbico do que musculação e o peso baixa devagar…
    Meu esposo é mesomorfo, porte atlético fácil de perder gordura, metabolismo acelerado, a maioria das vezes preciso me controlar pois, se eu for no embalo; viro uma bola. Mas já estou aprendendo a amar minhas curvas avantajadas e saber que nunca serei magra, mais posso ser mais sequinha e ainda sim, continuar grande e em forma.
    Afinal somos mulheres brasileiras né, bundão, pernão rs… Estou aos poucos entrando para a Lowcarb, estou amando…

  3. Ótimo artigo, agora já sei a dieta perfeita, Mamis ainda ativa, comecei a te acompanhar em um post sobre piquenique e até hoje te acompanho, ótimo!

×