Tipos de pimenta e seus benefícios para a saúde

5

Existe uma enorme variedade de pimentas, seja em tamanho, cor, aroma ou ardência. E se vocês ainda não gostam desse condimento é porque não encontraram a pimenta certa para o seu paladar. Ah, e além de dar sabor a qualquer comida, ela melhora o humor, é afrodisíaca e ainda ajuda a emagrecer. <3

Benefícios mil
Tudo isso por conta do componente capsaicina, principal responsável pelo sabor picante da pimenta. Ele é termogênico, então induz o metabolismo a trabalhar em ritmo acelerado, fazendo com que haja uma maior queima de gordura durante o processo de digestão.

A capsaicina previne ainda doenças cardíacas, diabetes, câncer, envelhecimento precoce, má digestão, problemas de circulação e estimula a liberação de endorfina, que ajuda na sensação de bem-estar.

Além desse componente a pimenta é riquíssima em outros nutrientes, em especial estão: a vitamina A, famosa por sua composição antioxidante, que fortalece o sistema imunológico e protege a pele; a vitamina C, que turbina a imunidade e a disposição; vitaminas do complexo B, que promovem desde a saúde da pele e do cabelo a proteção da memória e até a inibição de enxaquecas; potássio, que controla a pressão arterial e previne do AVC; o cálcio, mineral essencial para a construção e manutenção dos ossos e dos dentes; o fósforo, que ajuda a manter os hormônios em equilíbrio; e as fibras, que ajudam na digestão e saciam.

Mitos e verdades
Muitos acreditam que a pimenta causa problemas no estômago e até hemorroida, o que não é uma verdade. Porém, quem possui esses problemas deve evitá-la, é um condimento irritante para tecidos inflamados.

As principais pimentas
Separei as pimentas mais conhecidas com as suas características! Sabendo o teor da ardência talvez fique mais fácil na hora de escolher a sua preferida. 🙂 Vejam o quadro:

Eu sou louquinha por pimentas! No meu dia a dia não pode faltar a pimenta do reino e tenho até um pé de biquinho em casa e já ensinei a plantar nesse post.

Vocês também amam? Qual tipo consomem mais?

Ler matéria completa
MICHELLE FRANZONI

Amo a vida saudável, viajar, decoração, jardinagem e muito mais! Sou fisioterapeuta, artista visual, e Doutora em Gestão do Conhecimento. No Blog da Mimis você encontrará um pouquinho de cada coisa que eu gosto!

Deixe um comentário‏

5 Comentários Mostrar comentários

  1. Eu tenho 61 anos e sempre usei a pimenta em minhas refeições. Não gosto da pimenta em pó.
    Eu preparo as minhas pimentas com componentes naturais. Através do preparo eu as deixo
    mais picantes, moderadas e fracas (respeitando o tipo de pimenta claro).
    Quando digo a minha idade, ninguém acredita. Não sei o que é ter problemas de estômago entre outros.
    E a minha pele tem aparência de menos idade.

  2. Carlos Fernando Vieira de Sousa em

    Planto pimentas na minha mine horta no momento tenho 4 pés de malagueta usamos in natura ou em conserva feita por mim .

×