Tendências em alimentação saudável para 2018

3

Volta e meia são disponibilizados “novos” alimentos saudáveis nos mercados de produtos naturais. E a gente fica como? Querendo provar de tudo, não é mesmo? Então, selecionei os produtos que vão se destacar nesse novo ano, explicando o que é cada um e para o que servem.  São os alimentos saudáveis diferentões para incluir no cardápio diário!

A palavra “novos” lá em cima entre aspas é porque a maioria desses alimentos são velhos conhecidos já, talvez não nosso, mas de outras culturas, outros países. E que só agora estão ganhando visibilidade mundial.

Vocês vão perceber que alguns produtos como o Kefir, já teve em alta esse ano, mas em 2018 ele continua na lista dos queridinhos!

Abaixo segue uma lista com as receitas caseiras que tenho deles aqui no blog! Vejam se já conhecem e consomem algum e deixem seus comentários. E, se quiserem que eu aprofunde em um deles, digam também!

Beijocas!

 

Com receitas e/ou informações no Blog:

>> Kombucha
Bebida probiótica, feita da fermentação do chá (preto, verde ou de hibisco) e açúcar. Gaseificada, com quase 1% de álcool, livre de conservantes e corantes, e rica em propriedades nutritivas, é o novo drink das pessoas saudáveis.

Como conseguir: tem receita no blog! Ou, em casa de produtos naturais. ((Receita aqui))

>> Kefir
Bebida probiótica, feita da fermentação do leite. Seu gosto assemelha-se ao do iogurte natural. A bebida pode ser misturada a frutas ou a cereais, dá para preparar shakes com ela, exatamente como uma bebida láctea, e muitas outras receitas.

Como conseguir: tem receita no blog! Não tem à venda no mercado, é preciso conseguir doação da colônia e cultivar em casa. O interessante é que a produção é constante. ((Receita aqui))

>> Biomassa de banana verde
Alimento prebiótico, ou seja, é rico em amido resistente, que ajuda no equilíbrio da flora intestinal e absorção de nutrientes. Serve como base para cremes, molhos, massas e até brigadeiro.

Como conseguir: tem receita no blog! Ou, em casa de produtos naturais. ((Receita aqui))

 

Ainda sem receitas no blog (gostariam que eu publicasse as receitas deles ou quem sabe mais informações??):

>> Alho Negro
É o alho in natura que passa por um processo de fermentação e depois é submetido à uma condição de temperatura contínua, ficando adocicado. O ideal é consumi-lo cru, como tempero no final das receitas.

Como conseguir: em casas de produtos naturais.

>> Seitan
Seitan, glúten, ou ainda carne vegetal, como também é conhecido, é muito utilizado na culinária vegetariana e é um ótimo substituto da carne, pelo aspecto, textura e sabor semelhantes. É rico em proteínas e pobre em gorduras. O preparo é igual ao da carne animal.

Como conseguir: em casas de produtos naturais.

>> Matchá
É o chá verde produzido de forma artesanal, o que o deixa mais concentrado em clorofila, flavonóides e cafeína, com maior poder antioxidante, acelerando o metabolismo.

Como conseguir: em casas de produtos naturais.

>> Gooseberry
É a groselha em seu formato original, a própria frutinha. É rica em antioxidantes, vitaminas e uma série de minerais. Está sendo vendida desidratada e combina com doces e iogurtes.

Como conseguir: em casas de produtos naturais.

>> Missô
Pastinha feita de soja para passar no pão ou torrada. Substituto perfeito para quem quer ou precisa evitar laticínios. É fonte de vitaminas, fortalece a imunidade e a flora intestinal.

Como conseguir: em casas de produtos naturais.

>> Ágar-ágar
É alternativa à gelatina e até à balinha de goma. É uma alga rica em colágeno, insolúvel em água, capaz de absorver até 20 vezes o seu peso, formando um gel não fermentado, promovendo saciedade e desintoxicando.

Como conseguir: em casas de produtos naturais. Como balas ou em pó.

>> Skyr
Alimento probiótico parecido com o Kefir, porém utilizam-se outros tipos de bactérias e retira-se toda a gordura para seu preparo, ficando semelhante ao iogurte grego. Rico em proteínas com baixo teor de gordura.

Como conseguir: internet (ainda é difícil de encontrar no Brasil)


>>Rooibos tea
Rooibos é uma planta cultivada apenas na África do Sul. As propriedades de sua infusão assemelham-se as do chá vermelho, capaz de proteger sistema cardiovascular, dores de cabeça e até insônia e irritabilidade.

Como conseguir: em casas de produtos naturais.

>> Feno grego

Ou alfarva. As sementes podem ser diluídas no leite, em infusão, chás, e existe também a opção em cápsulas. É recomendado para mulheres no durante o período menstrual ou no início da menopausa. Além disso, é inibidor do apetite.

Como conseguir: em casas de produtos naturais.

 

 

 

 

Ler matéria completa
MICHELLE FRANZONI

Amo a vida saudável, viajar, decoração, jardinagem e muito mais! Sou fisioterapeuta, artista visual, e Doutora em Gestão do Conhecimento. No Blog da Mimis você encontrará um pouquinho de cada coisa que eu gosto!

Deixe um comentário‏

3 Comentários Mostrar comentários

×